Pages

10 de jan de 2011

Tenjou Tenge



Nem todo animê precisa ter um roteiro com um conteúdo original e ser uma obra-prima para ser divertido, é nesse ponto que Tenjho Tenge e tantos outros mangás/animês de sucesso destacam-se da maioria. Cenas de ação fantásticas, personagens cativantes, muito humor, drama e romance no ponto certo, e paragônicas garotas para nerdaida nenhuma botar defeito!

Tenjou Tenge ou Tenjho Tenge é uma série de mangá, lançado pela revista Ultra Jump da editora Shueisha de autoria do mangaká Oh! great (autor de Air Gear), a coleção é publicada pela JBC no Brasil.

A série de mangá também recebeu uma adaptação de animê pelo estúdio Madhouse, contendo 24 episódios, exibidos de 1º de Abril de 2004 a 16 de Setembro de 2004 na TV Asahi. Também foram lançados mais 2 OVAs intitulados Tenjou Tenge ULTIMATE FIGHT, enumerados como episódios 25 e 26.

O enredo do animê é protagonizado por Souchirou Nagi e seu companheiro de briga, Bob Makihara, ambos são dois delinqüentes colegiais que buscam desafiar todos os membros de cada escola através de muita violência. Após fecharem 99 escolas, eles escolhem a Todou Gakkuen, um colégio conhecido por carregar muitas gerações de artistas marciais. Contudo, e para a infelicidade deles, seus planos são frustrados por uma bela garota, Maya Natsume, capitã do último grupo que se opõe ao Conselho Disciplinário, o Clube Juuken.

A cada ano, grupos disputam pelo controle da escola, e o Conselho Disciplinário é encarregado de "destruir" seus opositores. Mais tarde, o grupo de rivais de Maya Natsume, ataca Souchirou e Bob acreditando que são membros e subordinados da jovem garota, sem outra escolha os valentões tornam-se aliados de Maya.

Apesar da proposta clara, o gênero Shonen (voltado para meninos) e as inúmeras lutas não são os únicos pontos explorados durante a história de Tenjho Tenge, mas também as cenas sensuais, os tradicionais trajes e uniformes minúsculos femininos, além das piadinhas sarcásticas e do romance e drama presentes em cada capítulo.

E para finalizar, o animê possui um enredo simples, mas suficiente para divertir o expectador com muita ação e cenas de lutas bem detalhadas. O gênero do animê não é voltado para quem tem como preferência histórias e personagens mais complexos, portanto, se for o seu caso, não é recomendável.

Nenhum comentário:

Postar um comentário