Pages

10 de ago de 2012

Wild Fang (Abertura de Megaman X8)

Wild Fang
Togisumasareta tsume wo hate ima kagayaku tame ni sono kiba wo muke
Shiren wa norikoerarenai hito ni osoikakari wa shinai
Tsukuriwarai... sonomama na no? shiawase na no? uso wa nai?
Tojikomete shimau koto ga kashikoku ikiru koto janai
Migi ni narae... sore de ii no? sore ja tada no kikai ja nai?
Tsumetai karada no naka no atsui tamashii wo yobisamase
Daremo minna mune no oku ni nemuru "yasei" wo yadoshiteru
Toki ni wa kusari hazushite chi wo nagase!
Togisumasareta tsume wo hate ima kagayaku tame ni sono kiba wo muke
Hadaka ni natte tokihanateba kanashimi mo keseru
Sukoshi hamidashitemo kamawanai kimi wa kimi no tame ni gamushara ni nare
Shiren wa norikoerarenai hito ni osoikakari wa shinai
Fukanou nara... akirameru no? subete owari nanimonai
Dekiru dekinai janakute yaru kadouka... tada soredake
Furueteru kimi no naka no haseru "yasei" wo mukidashite
Mienai kabe wo kowashite tsuki ni hoero!
Kareta koe ga kie yuku made sono kokoro wo sakebi yaban ni odore
Shinda mitai ni ikiteitemo nanimo imi wa nai
Itami wo osorete bakari no amaeteiru [gaki] wa ouchi e kaere
Mirai wo kirisaku kiba suteru you na yatsura ni kyoumi wa nai
Daremo minna mune no oku ni nemuru "yasei" wo yadoshiteru
Tokiniwa kusari hazushite chi wo nagase!
Togisumasareta tsume wo hate ima kagayaku tame ni sono kiba wo muke
Hadaka ni natte tokihanateba kanashimi mo keseru
Sukoshi hamidashitemo kamawanai kimi wa kimi no tame ni gamushara ni nare
Shiren wa norikoerarenai hito ni osoikakari wa shinai

Presas Selvagens
Aguçadamente se mantém sob a ponta dos pés, em ordem de brilhar, com essas presas expostas
A prova que você encontra é inquestionável, estes homens que não tomam a responsabilidade por nada
Risos forçados, é assim que é isto? Isto é felicidade? Não há mentiras?
As coisas que eles apagaram completamente não eram vidas intleigentes
Sempre movidos em direção ao progresso... é tudo isso certo? Se for este o caso, então todos nós somos apenas maquinas, não somos?
Acorde uma alma fervorosa dentro deste corpo frigido
Dentro do coração de todos dorme uma "natureza selvagem"
Às vezes, as correntes se quebram, e o sangue esparrama!
Aguçadamente se mantém sob a ponta dos pés, em ordem de brilhar, com essas presas expostas
Se você se despir de suas roupas e deixar-se ir, a tristeza também desaparecerá
Estamos começando a ficar um pouco amontoados, mas não se preocupe, porquê você é um dos meus
A prova que você encontra é inquestionável, estes homens que não tomam a responsabilidade por nada
Se isto é possivel, porquê não desistimos? O fim do mundo não é nada
Eu não sei se posso fazer ou não, só isso eu sei
Tremulamente você queima e abre, sua "natureza selvagem" é revelada
Derrube a parede invisivel, e uive para a lua!
Até que sua voz agonizante césse, as almas dançam para um grito primata
Parece até que você está morto, mas você quer estar vivo e nada tem propósito
Quando você está lutuoso, você depende dos outros, voltando para casa como um fantasma
Estes quais expõe as presas que destroem o futuro, eu não tenho interesse neles
Dentro do coração de todos dorme uma "natureza selvagem"
Às vezes, as correntes se quebram, e o sangue esparrama!
Aguçadamente se mantém sob a ponta dos pés, em ordem de brilhar, com essas presas expostas
Se você se despir de suas roupas e deixar-se ir, a tristeza também desaparecerá
Estamos começando a ficar um pouco amontoados, mas não se preocupe, porquê você é um dos meus
A prova que você encontra é inquestionável, estes homens que não tomam a responsabilidade por nada

Nenhum comentário:

Postar um comentário