Pages

4 de jan de 2013

Devaneios de um Otaku: "Causo" de um otaku


Bem, aqui digitarei a vocês um fato que me ocorreu na Liberdade a tempos atrás, quando comprei um ingresso de um dos inúmeros eventos de anime em São Paulo. Não citarei o nome da loja já que ela não possui nenhum poder sobre os atos que seus funcionários tem com relação a clientes.
Certa vez, fui com meus amigos João Paulo e Nicholas até um prédio de lá ao qual conhecemos por ser o point dos fãs de cultura pop japonesa e oriental em geral, atrás dos ingresso do tal evento. Quando lá chegamos fomos, até o último andar dele. Procuramos uma loja que vendesse o tal ingresso, mas era difícil. Primeiro, pois não vimos anteriormente na internet qual era o nome da loja específica que vendia o ingresso. Segundo, os cartazes são sempre pequenos e se perdem na imensidão de produtos do lugar. Mas isso é algo ao qual todo o otaku esta acostumado.
No entanto, chegamos a uma loja onde o atendente folheava um mangá. Quando um de nós lhe perguntou onde se vendia os tais ingresso, sua feição mudou e disse que não era ali. De modo tão áspero quanto um vento quente e cortante do deserto (ooooooooH!). Perguntamos então se ele sabia onde era o tal evento. Ele novamente de um modo deselegante nos disse que não era balcão de informações e que talvez fossemos encontrar o tal lugar nos andares inferiores. Com vontade de quebrar a cabeça dele fomos embora para os outros andares.
Quando lá chegamos, fomos até uma outra loja onde uma moça simpática nos atendeu prontamente e até compramos alguns badulaques com ela. Perguntamos se ali vendiam os tais ingressos. Qual não foi nossa surpresa quando ouvimos que a tal loja ficava no último andar e ficava meio que escondida! O detalhe que mais enfureceu nossa alma foi o fato que a loja em questão ficava do lado daquela em que encontramos o atendedor mal educado! Pode uma coisa dessa?
Sei que muitas vezes os fãs, sejam de animação japonesa, seja de qualquer outro tipo de coisa, são chatos. Mas custava atender a nós com a devida educação? Não pedimos nada de mais. Só uma informação. A verdade é que depois tive a vontade te arrebentar a cabeça do sujeito. E como muitos do Sarjeta tem consciência disso, sou um cara extremamente fácil te irritar! Superei isso e nem matei ele... Ainda...
"Eu com meu pequeno conhecimento sobre os fãs do gênero, sei que pessoas assim acreditam ter maior sabedoria sobre produções japonesas e por isso desdenham dos outros". Então, o motivo de ter colocado aspas na parte anterior é para mostrar que até eu possuo um pré-conceito: as vezes o cara era gente boa, tava num dia difícil. Vai se saber!
Existem X motivos para atitudes equivocadas ou rudes, mas você deve se tornar... Superior? Não. Sensato. Nunca deseje para outros o que de ruim lhe aconteceu só por pura insatisfação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário